Embora o mundo dos videojogos venha a caminhar cada vez mais para oferecer a perfeição dos visuais e para estilos de jogos diferentes, a verdade é que de vez em quando os jogadores também vão pedindo clássicos de só pegar e jogar, que marcaram tanto os jogos de tabuleiro, como os simples jogos de cartas ou até mesmo jogos de ação, que alguns já só se encontram em alguns salões de jogos. E a verdade é que esse público tem sido ouvido, pois nos últimos anos têm saído várias compilações deste tipo, porém, a qualidade do desempenho, as animações pobres e a produção  genérica destas coleções, fazem com que as mesmas sejam pobres e nem sempre chegam a ser referências e dignas de recomendação.

Siga o Future Behind: FacebookTwitterInstagram

A proposta de 51 Worldwide Games vem nessa sequência, mas com vontade de oferecer mais. Com uma interface a fazer lembrar Wii Sports, Wii Party, ou Wii Sports Resort, os visuais, a execução e simplicidade de cada tutorial de cada jogo, com um ambiente sonoro atrativo, constituem só por si, um verdadeiro chamariz para qualquer jogador, por mais reticente que esteja das suas qualidades. O próprio jogo faz questão que não seja jogado sozinho, mas também que o jogador puxe por outros oponentes, tanto pessoalmente como online. E de ambas as formas, a execução é muito boa.

51 jogos disponíveis de vários géneros

51 Worldwide Games tal como o próprio nome indica, oferece 51 jogos clássicos, tanto de cartas, como de tabuleiro como outros jogos peculiares de ação. O jogador pode jogar a solo contra o computador, onde tem à disposição quatro tipos de dificuldades que vai desde a dificuldade normal até à impossível. A seleção de jogos disponíveis é vasta e sortida, com inúmeros clássicos básicos de cartas como guerra ou solitário, alguns jogos mais comuns de tabuleiro como damas e xadrez, e nos jogos de ação estão alguns jogos como futebol de mesa, pesca, curling e setas. A seleção é vasta de forma a agradar todo o tipo de jogador, e não só pois como alguns jogos são estrategicamente pensados para serem jogados para curtas sessões de jogo, a vasta oferta acaba por trazer mais conteúdo para a longevidade da experiência.

Siga o Future Behind: FacebookTwitterInstagram

Embora de visuais simplificados, de forma minimalista, 51 Worldwide Games consegue oferecer algum charme até mesmo para os jogadores que gostam de exigir mais para jogos de consolas de mesa. As animações são boas, e a experiência em qualquer um dos jogos é excelente com desempenhos sem quebras de fluidez em jogos onde a ação acaba por ser mais vincada. Ainda sobre os visuais simplificados, a forma como 51 Worldwide Games explica como se joga cada título, é bastante útil, prático e bem feito, pois para além de estar a ser narrado, são também exibidos pequenos vídeos de elucidação das regras. O único problema é que a língua portuguesa volta a mais uma vez a ficar esquecida, estando outras oito línguas disponíveis. A Nintendo continua a não dar grande importância à língua portuguesa, e não deixa de ser algo negativo, pois é cada vez mais comum até mesmo em títulos de companhias independentes, a língua de Camões.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Para uma experiência sem compromissos

51 Worldwide Games consegue recuperar facilmente a atenção daqueles jogadores que actualmente têm pouco tempo para jogar e que não se sintam à vontade de entrar numa experiência mais profunda, com um ritmo mais elevado e onde a sua atenção tenha de estar totalmente virada para toda o jogo. De forma simples, de praticamente pegar e jogar, 51 Worldwide Games aposta dessa forma para conquistar jogadores que pretendam experiências rápidas, mas não só. Para quem gosta de jogar em grupo, 51 Worldwide Games pode também facilmente animar uma festa tornando o ecrã da Switch numa espécie de tabuleiro virtual, idealizado para dois jogadores ou ainda através do modo local, conectar juntamente a mais quatro consolas compatíveis com alguns jogos. Mas se não for o caso, o modo online funciona muito bem, tendo até rápido acesso, sendo perfeitamente acessível para se iniciar uma partida tanto com amigos ou com jogadores desconhecidos de todos os cantos do mundo.

51 Worldwide Games

Considerações Finais

51 Worldwide Games é uma ótima compilação de jogos clássicos de cartas, tabuleiro e outros jogos de ação, onde a simplicidade e a acessibilidade fazem dele rei e senhor no momento de decidir que jogo se irá colocar para animar um grupo, embora também seja perfeitamente aceitável para sessões curtas a solo ou em partidas mais renhidas de jogador contra jogador. A seleção de jogos é compacta de uma maneira geral, com animações agradáveis e de rápida afeição. Os tutorais embutidos com narração simples e com vídeos didáticos são muito bem feitos e bem-vindos. Peca pela ausência da língua portuguesa, no meio de outras oito línguas disponíveis.

51 Worldwide Games já se encontra disponível, em exclusivo, para as consolas Nintendo Switch.

nota 4

+ Boa variedade de jogos clássicos disponíveis

+ Modos de jogo e dificuldades disponíveis

+ Tutoriais de explicação simples e bem executados

– Ausência da língua portuguesa

Siga o Future Behind: FacebookTwitterInstagram

N.R.: A análise a 51 Worldwide Games foi realizada numa Nintendo Switch com acesso a uma cópia do jogo, gentilmente disponibilizada pela Nintendo Portugal

Sem mais artigos