Na Europa o desporto motorizado é acompanhado por milhões de pessoas, e para consolas são muitos os simuladores que nos trazem Rally, Formula 1 ou mesmo Touring, temos de tudo um pouco, mas há algo que passa despercebido – NASCAR.

Para nos provar que NASCAR também merece ser visto, e jogado, chega-nos da Monster Games (publicado pela 704 Games) NASCAR Heat 4, um simulador para o desporto motorizado que é tão famoso nos Estados Unidos da América.

Siga o Future Behind: Facebook | Twitter | Instagram

Antes de alongar a análise posso dizer que o ponto forte do jogo é o seu modo carreira, mas será que chega para nos prender ao comando?

Subir na carreira de pista em pista

O modo carreira de NASCAR Heat 4 conta com algumas alterações quando comparado com o anterior título da série, mas a principal será mesmo a possibilidade de começar a carreira em qualquer uma das categorias presentes no jogo (Xtreme Dirt, Camping World Trucks, Xfinity e ainda Monster Energy NASCAR Cup), já que o ano passado teríamos que começar pela categoria mais baixa.

Como queria sentir toda a experiência do modo carreira comecei a sessão de jogo pela categoria mais baixa. Na verdade, o início da carreira tem lugar no fim da época passada onde somos um piloto sem lugar numa equipa e que depende do agente para conseguir um “Hot Seat” em qualquer uma das equipas. Esforcem-se ao máximo nestas pequenas corridas, pois mesmo antes da começar a época, estes resultados contam para o desenrolar da seguinte temporada.

Depois de algumas corridas lá conseguimos um contrato, mas antes de começar a correr temos que decidir se queremos ser só piloto ou piloto e dono da equipa. Na primeira, como devem imaginar, apenas temos que conduzir o mais certo possível para conseguir resultados. Já na segunda opção, para além de termos que conduzir o melhor que conseguirmos, temos ainda que ter cuidado com a gestão de equipa – desde finanças até ao número de mecânicos que temos na garagem.

Siga o Future Behind: Facebook | Twitter | Instagram

Depois de umas corridas NASCAR em modo single player e também no modo online dei então continuidade ao modo carreira onde me apercebi imediatamente que conduzir em Xtreme Dirt é completamente diferente que conduzir os carros da NASCAR Cup, a física do veículo muda completamente e o que senti no comando Nacon que estava a usar mudou também.

Durante o modo carreira, ao acabar cada corrida (que se divide, tal como a F1, em treinos livres, qualificação e corrida) temos acesso a um hub social onde podemos interagir com outros pilotos. Estas interações mudam de acordo com as vossas corridas, caso façam uma corrida mais agressiva vão ter pilotos a reclamar; caso façam uma corrida dentro das normas vão ter pilotos a falar bem do vosso desempenho. As respostas que podem dar são limitadas, mas, mesmo assim, acaba por ser um elemento que dá outro charme a NASCAR Heat 4 e ao seu modo carreira.

Mesmo nesta fase da carreira, quando já têm contrato com uma equipa, vão continuar a receber oportunidades de “Hot Seat”.  Tanto nestas corridas, como durante a vossa temporada, tenham atenção aos resultados, pois quanto melhores forem mais dinheiro ganham. Para além de dinheiro ganham ainda mais fãs, para construir a vossa base de seguidores, bem como melhores oportunidades terão para uma futura época em categorias superiores.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Performance

Como já foi referido anteriormente, é perfeitamente percetível a diferença de condução entre carros, principalmente no que toca à física do jogo. Esta diferença, entre carros, também se nota no barulho dos motores ou até mesmo no arranque para as qualificações, ou sessões de treino. Estes dois factores acabam por contribuir para que o NASCAR Heat 4 ofereça, a quem o está a jogar, alguma sensação de imersão.

E se o som está com bom nível, e o jogo até nos consegue deixar agarrados ao comando com o bom nível de simulação que apresenta, há algo que me deixou menos contente com NASCAR Heat 4. Se as câmaras exteriores ao carro apresentam um bom nível de detalhe, suficiente para perceber que existe ali muita dedicação por parte do estúdio Monster Games, já quando passamos para a câmara interior do carro ficamos com uma sensação de produto inacabado.

Siga o Future Behind: Facebook | Twitter | Instagram

Para além do interior do carro só ter uma câmara, isto é só nos deixa olhar em frente, caso tentemos olhar para os lados ou para trás o que iremos ver é uma representação daquilo que viríamos se tivéssemos colocado a cabeça de fora do carro… o que não me parece muito prático durante uma corrida de NASCAR.

Para além disto, tenho ainda que apontar o facto de existirem momentos em que as quebras de framerate, principalmente ao conduzir dentro do carro, fazem com que um jogo que poderia ser o título perfeito para os fãs de desporto motorizado passe a ser algo que acabamos por ter alguma resistência em jogar… um jogo que simula carros a grandes velocidades quer-se fluído e sem este tipo de falhas.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Considerações Finais

NASCAR Heat 4 é um jogo de nicho, é um jogo para os fãs de desportos motorizados, para os fãs de NASCAR. Mas é também um jogo para quem quer passar algumas horas de diversão sem precisar de uma curva de aprendizagem muito grande.

Siga o Future Behind: Facebook | Twitter | Instagram

O novo título da Monster Games apresenta-se assim com um jogo simples de jogar mas que consegue dar a quem pegar no comando alguns momentos de diversão. Não estando isento de erros continua a ser um jogo agradável, e no futuro, com os erros resolvidos pode tornar-se num grande simulador do tão amado desporto Norte-Americano.

NASCAR Heat 4 já se encontra disponível para PlayStation 4, Xbox One e Windows PC.

N.R.: A análise a NASCAR Heat 4 foi realizada numa PlayStation 4 com acesso a uma cópia do jogo, gentilmente cedida pela 704 Games.

 

 

Banner Patreon Future Behind

NASCAR Heat 4 - Não é só virar à esquerda
Modo carreira bastante divertido Condução de bom nível Jogo de aprendizagem simples
Quebras de framerate constantes Falta de câmaras dentro do carro
3.5Valor Total
Votação do Leitor 0 Votos
Sem mais artigos