A rubrica AR World é patrocinada pela Next Reality, empresa especialista em Realidade Aumentada e Realidade Mista.

Nada é tão 2018 como uma startup de realidade aumentada que está a tentar angariar dinheiro através de um Initial Coin Offering (ICO) para desenvolver uns óculos AR. A Lucyd consegue juntar aqueles que são alguns dos temas mais badalados do momento.

Se à primeira vista parece haver pouca associação entre óculos de realidade aumentada e tokens de blockchain, a Lucyd tem um plano que está, pelo menos em teoria, bem engendrado. A startup tem 13 patentes de realidade aumentada que lhe vão permitir desenvolver uns óculos AR agnósticos – serão compatíveis com iOS, Android e terão aplicações proprietárias.

Para desenvolver um protótipo dos óculos, a empresa está a fazer um ICO. O dinheiro angariado neste processo também vai servir para desenvolver a plataforma de blockchain Lucyd Lab. Sempre que um programador lançar uma aplicação de realidade aumentada para os óculos da Lucyd, o registo da aplicação é feito na rede de blockchain.

O token da Lucyd, definido como LCD, será atribuído aos programadores pelas boas reviews que as suas aplicações tiverem. Os utilizadores também vão poder receber LCD ao darem feedback ao trabalho dos programadores. Por fim será ainda possível utilizar o token LCD para gastar na loja de aplicações ou então para comprar os próprios óculos de realidade aumentada.

O ICO da Lucyd ainda está a decorrer e termina no dia 28 de fevereiro. Este artigo não serve como forma de aconselhamento de investimento – se esse for o seu objetivo, então deve ler na íntegra o white paper associado ao projeto. O que este artigo pretende mostrar é que é possível fundir a realidade aumentada com outras tecnologias que estão em voga e que podem ajudar a tornar o segmento do interesse de ainda mais pessoas.

Mas antes de ir conhecer o projeto da Lucyd, confira e experimente estas quatro novas sugestões de aplicações de realidade aumentada.

Blocker by AfterNow

Uma aplicação destinada sobretudo para quem trabalha com vídeo. A Blocker permite colocar figurinos digitais num determinado cenário, o que permite antecipar como vão ser as gravações e que ajustes serão necessários fazer ao guião que estava estipulado. Também existe uma opção que permite criar diretamente no telemóvel um storyboard.

Outra funcionalidade interessante é a possibilidade de colocar uma fonte de iluminação para simular o posicionamento do sol, algo que influencia bastante o resultado final das gravações. A aplicação é gratuita, mas será preciso investir mais de 30 euros para desbloquear todo o potencial que a Blocker tem para oferecer.

Download: iOS

Find Your Car With AR

O conceito da aplicação é bastante simples, mas as pessoas distraídas que perdem constantemente a noção de onde deixaram o carro vão encontrar grande valor nesta ferramenta. A Find Your Car With AR faz exatamente aquilo que o nome indica: ajuda o utilizador a encontrar o local onde deixou o carro estacionado através de realidade aumentada.

Assim que sair do carro execute a aplicação e selecione o nível de precisão de localização com o qual a ferramenta vai assinalar o estacionamento. Depois pode ir tratar dos seus assuntos e quando precisar de voltar ao carro, basta ativar o modo de realidade aumentada e seguir a indicação das setas.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Download: iOS

Augment – 3D Augmented Reality

E se a realidade aumentada permitisse aumentar os níveis de venda dos seus produtos? É esse o argumento da aplicação Augment, cujos ficheiros podem ser integrados nas páginas de venda online e à distância de um clique os consumidores conseguem ‘dar vida’ aos produtos que querem comprar.

A aplicação permite manipular o tamanho dos objetos, assim como as suas cores, para que os consumidores possam ter uma ideia exata daquilo que vão comprar. O ecossistema da Augment também suporta animações, o que dá um toque extra de realismo às experiências AR que os consumidores vão ter nas suas mãos.

Download: iOS / Android

Night Sky

Não é a primeira aplicação do género que aconselhamos, mas acreditamos que o facto de já haver concorrência dentro de segmentos específicos de realidade aumentada é um aspeto positivo. Com a aplicação Night Sky vai poder usar o smartphone ou tablet para fazer um reconhecimento dos astros que estão no céu.

Com a chegada do ARKit a aplicação foi atualizada para garantir uma experiência ainda mais imersiva – o modo Grand Orrery permite colocar o Sistema Solar em nossa casa e permite explorar com maior detalhe os planetas, as luas e o Sol. Uma funcionalidade interessante é o facto de os utilizadores terem à sua disposição uma tabela de tempo que ajuda a perceber melhor qual será ou qual foi a localização de um planeta numa data específica.

Download: iOS

Sem mais artigos