A rubrica AR World é patrocinada pela Next Reality, empresa especialista em Realidade Aumentada e Realidade Mista.

Ao longo do último mês sugerimos-lhe várias aplicações de realidade aumentada, desde jogos, a aplicações mais utilitárias, passando também por apps que parecendo descabidas, poderão fazer muito sentido em casos específicos.

Este é apenas um vislumbre do potencial que a realidade aumentada começou a abrir na vida dos utilizadores através dos seus dispositivos móveis. Há no entanto um reverso da medalha e que acabará por chegar mais cedo ou mais tarde: publicidade.

Pela experiência que temos dos últimos 20 anos de internet e dos últimos dez anos de aplicações móveis, a publicidade está longe de ser a melhor amiga dos utilizadores. Muitas vezes é intrusiva, despropositada e até sem contexto. Mas talvez com a realidade aumentada isso possa ser diferente.

Recentemente o Snapchat revelou planos para permitir que as marcas explorem o seu sistema de animações em realidade aumentada e a BMW foi uma das primeiras a querer arriscar. O truque é simples: permitir que os utilizadores coloquem nas suas fotografias e vídeos um produto da BMW, o que trará maior exposição à gigante alemã.

Do lado do Facebook também já tínhamos recebido sinais semelhantes, pelo que podemos dizer com segurança que a publicidade vai representar um papel fulcral na evolução da realidade aumentada – resta saber como a realidade aumentada poderá ajudar a publicidade.

SketchAR: How to draw with augmented reality

O nome da aplicação deixa pouco para a imaginação: é uma ferramenta que utiliza a realidade aumentada acima de tudo para ensinar as pessoas a desenharem. Basta escolher o elemento que queremos reproduzir, fazer pairar o smartphone sobre uma folha branca, ajustar o tamanho se necessário e meter mãos ao trabalho.

Mesmo sendo indicada para pessoas que estão a dar os primeiros passos no mundo do desenho, pode ser uma ferramenta de trabalho para profissionais que queiram transformar de forma rápida objetos do dia a dia em desenhos, já que através de uma fotografia é possível depois criar uma planta de desenho.

No vídeo a seguir pode ver artistas do grupo Vitae Viazi a trabalharem com ajuda da aplicação SketchAR.

Download: iOS | Android

HotStepper

É daqueles que já não vive sem uma aplicação de geolocalização no smartphone? Fique a saber que a experiência de deslocar-se de um lado para o outro pode agora ser muito mais divertida – e surreal. A empresa NexusStudio desenvolveu a aplicação HotStepper que coloca um guia virtual no nosso campo de visão com a ajuda do smartphone.

Mas atenção: este guia virtual é um homem barbudo que apenas tem vestidos uns calções, um chapéu e uns chinelos. Demasiado alternativo? Talvez a ideia seja justamente essa. O utilizador apenas precisa de definir o destino final e ser guiado por este amigo improvável. Pelo caminho pode tirar umas fotografias e fazer uns vídeos para mostrar aos seus amigos a sua nova companhia para as caminhadas.

Download: iOS

ARise

Já demos destaques a alguns jogos de realidade aumentada que beneficiam o jogador por este poder mover-se em torno dos níveis, procurando aquela que é a melhor solução. Mas no caso de ARise, a perspetiva é de facto a chave para o jogo.

O utilizador terá de mover o dispositivo móvel por forma a que os elementos do jogo estejam alinhados entre si, em perspetiva, para que a personagem possa avançar no percurso. É um jogo que faz lembrar o aclamado Monument Valley, mas que tenta ser dos primeiros em realidade aumentada a ocupar um espaço de destaque nas experiências de quebra-cabeças.

Download: iOS

INKHUNTER Try Tattoo Designs

Sempre quis fazer uma tatuagem, mas nunca teve coragem por recear aquele que poderá ser o resultado final? A aplicação Inkhunter não consegue garantir-lhe esse resultado, pois tudo dependerá do tatuador que escolher, mas pode ajudá-lo a decidir se quer ou não fazer uma tatuagem, em que parte do corpo e também qual a arte.

O utilizador só precisa de selecionar a arte desejada, apontar para uma parte do corpo – sua ou de outra pessoa, se estiver a ajudar – e captar uma fotografia que ajudá-lo-á a tomar a decisão final. Pode ainda mover o smartphone para perceber como fica a tatuagem em diferentes ângulos. É como fazer uma tatuagem, mas sem assumir de facto o compromisso de uma tatuagem.

Download: iOS | Android

Sem mais artigos