O Tiranossauros Rex é uma espécie de dinossauro já extinta. Ou era, até a Audi ter decidido criar uma campanha publicitária que tem por base o icónico animal do período jurássico. Em #TheComeBack vemos como o mundo moderno é totalmente desajustado para um animal com milhares de ano, mas também como uma inovação tecnológica pode resolver o problema.

A ideia é justamente essa: a verdadeira inovação é aquela que até permite a um dinossauro ‘conduzir’.

O anúncio é interessante por várias razões. Em primeiro lugar vemos como uma das grandes marcas de automóveis da atualidade, a Audi, já usa os sistemas de condução autónoma para promover as suas capacidades de inovação junto dos consumidores.

A seguir pelo formato claramente distinto do anúncio. Se por norma estamos habituados a ver a publicidade de automóveis a centrar-se no desempenho ou no conforto, este anúncio tenta claramente apostar mais no factor emocional e potencial viral do conteúdo.



No seu blogue a Audi explica que uma das partes mais importantes foi encontrar a voz do dinossauro pois visto que a personagem é fictícia, a voz seria um elemento bastante importante para dar credibilidade à trama e também para concretizar a dita ligação emocional.

Depois a ‘esperteza’ de a Audi ter recorrido àquele que é um dos memes populares da internet. O T-Rex é um dos elementos mais comuns da internet moderna justamente pela questão dos seus braços pequenos – os internautas imaginam diferentes situações do quotidiano humano nas quais o grande predador do jurássico simplesmente teria dificuldade em concluir a tarefa.

No anúncio exploram a ideia de um T-Rex a fazer a cama, algo que também já tinha sido pensado pela comunidade de internautas.

A campanha #TheComeBack é uma fusão de vários elementos modernos, atuais e que vão certamente ajudar a colocar os sistemas de condução autónoma da Audi na cabeça dos consumidores. Numa altura em que a Google, Tesla e a Uber parecem estar na dianteira deste novo segmento da mobilidade, nada como recorrer ao bom e velho marketing para fazer equilibrar um pouco a balança.

Será a verdadeira mensagem deste anúncio uma referência ao ‘regresso’ da Audi para competir diretamente com os gigantes tecnológicos?

A campanha demorou três meses a ser feita e foi pensada pela agência digital Razorfish.