A Ubisoft tem um lugar no olimpo dos videojogos pelos grandes trabalhos que tem apresentado nos últimos anos e por ter construído franquias que têm grandes legiões de fãs. Para a edição deste ano da E3 um dos títulos mais aguardados era o novo Assassin’s Creed, uma série que no ano passado teve uma muito necessária pausa nos lançamentos.

Acontece que apesar de ser um dos nomes grandes da Ubisoft, o novo Assassin’s Creed acabou por passar discreto relativamente a outras novidades apresentadas pela editora. O ‘rei’ da apresentação foi sem sombra de dúvidas o jogo Beyond Good and Evil 2, um segredo que a empresa francesa conseguiu preservar muito bem.

Siga o Future Behind: Facebook | Twitter | Instagram

Beyond Good and Evil 2

Apesar de ser designado como o segundo jogo da série, na realidade o novo Beyond Good and Evil é uma prequela ao primeiro título lançado há 14 anos. O jogador vai ser levado numa aventura até ao System 3, um novo sistema solar que é abrigo para diferentes espécies intergaláticas.

Nesse sistema os recursos são limitados e por isso há um forte lobby por parte de algumas empresas – situação que potencia os piratas espaciais.

Do trailer destaca-se o forte sentido de humor revelado pelas personagens. Por agora só há um trailer cinematográfico para partilhar, não havendo qualquer informação sobre o lançamento de Beyond Good and Evil 2.

Starlink: Battle for Atlus

Com a série Skylanders a Ubisoft aprendeu o potencial de juntar objetos físicos para aumentar a experiência de jogo. A editora parece agora disposta a arriscar novamente no conceito, desta vez num universo completamente diferente.

Em Starlink os jogadores vão ter ao seu dispor diferentes naves para exploração de planetas e eliminação de inimigos. Apesar do estilo visual mais animado, o jogo é desenvolvido no poderoso motor gráfico Snow Drop.

Tudo fica mais interessante quando sabemos que a Ubisoft vai disponibilizar versões físicas das naves que os jogadores têm no jogo. Estas naves físicas são compatíveis com vários acessórios que aumentam os poderes de fogo e de defesa das naves no jogo. Parece confuso? O melhor mesmo é ver o trailer.

Starlink: Battle for Atlus só vai ser lançado no final de 2018 para a Xbox One, PlayStation 4 e Nintendo Switch.

Skull and Bones

Quando a Ubisoft apresentou o jogo Assassin’s Creed: Black Flag, uma das grandes novidades foi a inclusão de batalhas navais. A possibilidade de controlar grandes barcos e de travar guerras em alto mar foi um conceito que imediatamente agarrou a atenção dos jogadores.

O controlo de barcos voltaria a surgir noutros episódios de Assassin’s Creed, mas a Ubisoft decidiu pegar neste conhecimento para criar um jogo dedicado ao ambiente naval – assim nasce Skull and Bones.

Este novo título pretende funcionar como um jogo multiplayer no qual vários jogadores poderão fazer parte de uma frota de barcos, sempre com o objetivo de afundar a equipa adversária. Haverá um sistema de atualização de barcos e também há lugar para a pilhagem de tesouros.

Skull and Bones vai ficar disponível para a Xbox One, PlayStation 4 e PC em 2018.

Far Cry 5

Pela polémica que o jogo já gerou, talvez tivesse sido mais inteligente da parte da Ubisoft ter guardado a revelação oficial de Far Cry 5 para a E3 – aumentaria certamente o barulho mediático em torno da sua presença. Isto porque o novo jogo deixa os cenários de ficção científica e históricos para colocar americanos a matar americanos.

Há uma razão para toda esta matança: uma seita radicalista e militar que tenta sobrepor a sua visão à de todos os outros. De que forma? O trailer é explícito nesse sentido.

Se o jogo em si não é uma novidade, a Ubisoft mostrou imagens de jogabilidade que revelam algumas novidades na forma como será possível eliminar os adversários – por exemplo, existe a possibilidade de definir a posição de um segundo elemento no cenário e que nos vai ajudar na hora dos ataques.

O jogo está confirmado para 2018 e vai chegar à Xbox One, PlayStation 4 e PC.

Sem mais artigos