A série animada japonesa Dragon Ball foi um êxito em todo o mundo e Portugal também tem uma geração que cresceu com Son Goku e companhia. Quantos daqueles que viram Dragon Ball não tentaram, pelo menos uma vez, fazer um Kamehameha juntando as duas mãos?

Foi preciso esperar alguns anos, mas a solução possível para a concretização desse sonho está a caminho. A empresa japonesa Mega House está a desenvolver um kit de realidade virtual que vai permitir aos utilizadores viverem a experiência de uma personagem do Dragon Ball Z na primeira pessoa.




Além de uns óculos de realidade virtual decorados com uma paleta de cores alusivas à Capsule Corporation, o kit inclui ainda dois sensores para usar nas mãos e um marcador para experiências de realidade aumentada.

Será através destes marcadores que o utilizador poderá realizar um Kamehameha mais realista, pois o ataque poderá ser direcionado. Em baixo um vídeo de demonstração de como funcionará a experiência.

Pelo que é possível perceber das imagens, estes óculos de realidade virtual temáticos vão funcionar de forma semelhante aos Samsung Gear VR e aos Alcatel Idol VR, isto é, vão funcionar à base de um smartphone. A experiência de realidade virtual é depois assegurada por uma aplicação móvel.

Este conjunto permite não só lançar Kamehameha contra personagens icónicas em ambientes conhecidos, como o planeta Namek, como permitirá lançar esses mesmos Kamehameha no ambiente real à sua volta através de um ambiente de realidade misturada.

A aplicação permitirá ainda que o utilizador consiga fazer uma leitura dos seus ‘adversários’, imitando os contadores de força que os Guerreiros do Espaço utilizam durante a série.

De acordo com a informação partilhada pela publicação Kotaku, o kit Dragon Ball Z VR da Mega House vai custar 12 mil yenes, o equivalente a 105 euros. A venda da experiência está por agora apenas prevista para o mercado japonês.

Sem mais artigos