O futebol é um desporto que movimenta milhões. Com o aparecimento, e crescimento, dos eSports também o futebol virtual começa a movimentar muitos milhões. Com uma nova época futebolística a começar é também altura da nova atualização de FIFA chegar ao mercado. O FUTURE BEHIND esteve na apresentação, em Londres, durante a final do FIFA eWorld Cup e partilhamos convosco algumas das novidades de FIFA 19, o novo título da EA Sports que chega a 28 de setembro.

Siga o Future Behind: Facebook | Twitter | Instagram

Alex Hunter está de volta para uma terceira época

Alex Hunter não teve uma carreira fácil até ao momento, durante as duas primeiras épocas viu-se passar da Premier League para o Championship e ainda passou meia época na MLS nos Estados Unidos antes de voltar ao continente Europeu. Agora, em FIFA 19, Hunter vê o sonho de uma vida tornar-se realidade… assinar por uma das equipas mais cobiçadas do mundo, o Real Madrid.

A historia de Alex Hunter deu-se a conhecer quando, em FIFA 17, foi apresentado o modo campanha do jogo, intitulado “A Caminhada”. Desta vez, Alex Hunter chega mas não vem sozinho para este final da trilogia. Com ele traz Danny, rival nos treinos de captação durante a primeira parte desta história e mais tarde amigos e colegas de equipa. Com esta dupla chega também Kim Hunter, uma jovem futebolista, meia-irmã de Alex, que sonha chegar ao topo do futebol feminino. A promissora futebolista, depois de conseguir lugar na seleção dos Estados Unidos da América tem agora a tão desejada convocatória para o Mundial de futebol feminino.

A história pode trazer novidades para os nossos, já conhecidos, protagonistas mas as novidades não ficam por aqui. No FIFA 19, os jogadores terão a oportunidade de saltar entre histórias e acompanhar os três futebolistas numa das mais importantes fases das suas carreiras. FIFA 19 traz assim o final d’A Caminhada, a trilogia que nos transportou para a vida de uma jovem promessa do futebol mundial.

 

 

FIFA Ultimate Team de cara lavada

Fifa Ultimate Team 19, ou simplesmente FUT 19, trará algumas novidades. Este modo de jogo é talvez o modo mais jogado a nível competitivo, com torneios que oferecem prémios milionários a acontecerem várias vezes ao ano.

Com o FUT 18, tivemos o aparecimento dos Ícones na PlayStation 4. Agora, em FUT 19, temos novas estrelas do passado a chegar ao simulador de futebol da EA Sports. Durante a apresentação do jogo na final do eWorldCup 18, em Londres, ficamos a saber que Rivaldo (92), Cruyff (94), Gerrard (91), Lampard (90) e Eusébio (91) vão ser as novas caras adicionadas à nova edição de FUT.

Mas se dizemos olá a novos Icons podemos dizer adeus aos torneios diários de qualificação para a Weekend League do FUT Champions e as divisões online. O modo competitivo online de FIFA Ultimate Team vai trazer novidades no que toca a qualificação para a Weekend League, nesta nova época de FIFA existirá um sistema de rank onde competirá contra adversários dentro do mesmo ranking (atualizado semanalmente) para que depois consiga ganhar prémios semanais e até mesmo o acesso à Weekend League (através de pontos que pode acumular e gastar quando quiser). O novo modo foi apelidado de Division Rivals e no início da época de FUT 19 cada jogador fará 5 jogos que servirão para que seja atribuído um ranking e para que assim saiba em que divisão vai começar.

Siga o Future Behind: Facebook | Twitter | Instagram

Em relação aos prémios também aqui existem mudanças. Mudanças essas que tornam a atribuição de prémios mais justa e de certa forma mais apetecível para cada um dos jogadores. Por exemplo, ao receber os prémios relativos a uma semana de Division Rivals, prémios esses que serão atribuídos de acordo com o rank (de 1 a 5) que conseguir dentro da sua divisão, terá a possibilidade de escolher qual a recompensa que mais lhe agrada. Entre packs com jogadores, moedas ou mesmo packs de Player Pick. Este último são novos packs que trarão entre duas a cinco cartas de jogadores em que só poderá ficar com uma delas, por isso cabe a cada um dos jogadores escolher a carta que melhor se identifica com a sua equipa de FUT 19.

Sobre o FUT 19 resta-nos dizer que também aqui aparecerá a Champions League, com cartas próprias de jogadores que irão marcar presença na edição desta época da liga milionária e ainda que as primeiras três cartas de Ones to Watch já foram reveladas e serão: Cristiano Ronaldo, Thomas Lemar e o jovem médio Alemão Leon Goretzka.

 

Alguém pediu um desafio?

O modo pontapé de saída foi finalmente repensado e reformulado, se é daqueles jogadores de FIFA que apenas quer passar um bom bocado sem ter que se preocupar e gastar tempo com modos como o de carreira, Clubes Pro ou mesmo Fifa Ultimate Team pode começar a sorrir, as novidades no modo pontapé de saída são algumas, todas bem-vindas.

Primeiro importa fazer referência, mais uma vez, ao facto da Champions League estar disponível no FIFA 19. Isto significa que vai ser possível, com toda a pompa e circunstância, jogar a final da Liga dos Campeões… Momentos no túnel, flash interviews, entrada em campo, festejos… Tudo, tudo como se estivesse lá. Será também possível jogar outras finais, entre elas a UEFA Europa League.

Existe também um novo modo de jogo, House Rules. Este novo modo traz na verdade várias formas de jogar. Um modo sobrevivência (Survival Mode), que faz com que perca um jogador, de forma aleatória,  cada vez que marcar um golo, aqui ganha o jogador que atingir primeiro a marca de 5 golos. O FUTURE BEHIND, experienciou este modo ao vivo, durante a final do FIFA eWorldCup, em Londres, e podemos dizer que é um modo de jogo ideal para o 2v2 local, a emoção vai estar ao rubro. Ainda dentro do modo House Rules teremos ainda a oportunidade de mandar o árbitro para casa e jogar sem regras, ou ainda cada golo contar como dois caso se marque de fora da área ou mesmo apenas contar golos que sejam feitos em remates acrobáticos ou cabeceamentos.

Teremos ainda o modo Best of Series, que como o modo indica permitir-nos-á jogar um conjunto de jogos “a melhor de” e o modo Home and Away que nos permitirá jogar dois jogos, um em casa e outro fora ganhando o jogador com melhor resultado acumulado.

Siga o Future Behind: Facebook | Twitter | Instagram

Outra grande adição ao modo pontapé de saída será o facto de as estatísticas serem agora possíveis de consultar. Tudo, desde posse de bola a faltas e golos marcados, é agora registado ao longo do decorrer de FIFA 19. Isto faz com que aquelas disputas entre amigos, para ver quem é o melhor jogador de FIFA, se tornem mais claras. O pontapé de saída em FIFA 19 apresenta-se assim de forma renovada e talvez mais apetecível para os jogadores casuais que apenas querem fazer uma partida sem preocupações com química, treinadores ou mesmo forma física dos jogadores.

 

Mecânica de jogo cada vez mais próxima da realidade

FIFA 19 continua a ter a força do motor de jogo Frostbite mas traz-nos algumas novidades. Os toques que os jogadores dão na bola estão agora mais fluidos e mais próximos da realidade, será possível ver os jogadores a controlar a bola de novas formas, formas essas mais refinadas. Podemos ainda levantar a bola ao primeiro toque para depois então rematar ou mesmo passar a bola com um toque de cabeça, daqueles que vimos na televisão em que os jogadores voam rasteiros ao chão para fazer o passe de cabeça. Tudo isto será possível devido ao novo Active Touch System e todas as animações que nos traz.

Rematar torna-se também mais real com o novo modo de finalização, “finalização temporizada”. Em FIFA 19 poderemos rematar como estamos habituados, mas se quisermos melhor precisão ou mesmo mais força no remate temos a opção de ter um segundo toque no botão de remate para que o remate saia colocado e com força. Parece fácil? Calma, é preciso que este segundo toque seja no momento exato, caso o faça muito cedo ou muito tarde o mais provável é que o remate saia em piores condições do que se tivesse rematado da forma tradicional.

Também as afinações táticas no início de cada jogo estão agora mais personalizáveis. Com as novas táticas dinâmicas, será possível definir táticas no início de cada jogo, alterando o posicionamento e movimentação de cada jogar ou mesmo a formação da equipa em campo. Mas há mais, lembra-se das substituições rápidas em FIFA 18? Agora será possível alterar as táticas de forma parecida com o decorrer do jogo, para isso basta o usar o D-Pad do seu comando. De acordo com a EA cada uma das táticas terá uma contra tática que permitirá anular de melhor forma a maneira de jogar do adversário. Por isso, ser capaz de descobrir que tipo de tática o adversário está a usar poderá ser crucial para o desempenho da sua equipa.

Tudo isto parece fantástico na teoria, veremos como funciona na prática. Prometemos contar tudo assim que metermos mãos no novo simulador de futebol da EA Sports, FIFA 19.

Siga o Future Behind: Facebook | Twitter | Instagram

 

Rumores [não confirmados]:

  • Equipa nacional do Brasil não deverá disponível no modo pontapé de saída
  • Festejos com os Emotes de Fortnite poderão estar disponíveis
  • Demo jogável deverá ficar disponível na semana de 14 de setembro
  • Webapp para FUT 19 deve ficar disponível na mesma altura que o demo de FIFA 19

 

Sem mais artigos