O Facebook estava à procura de um novo líder para a Oculus. Hugo Barra estava à procura de um novo desafio. Deu-se o match entre as partes.

O antigo engenheiro da Google e da Xiaomi vai liderar a divisão de realidade virtual do Facebook. O anúncio foi feito pelo diretor executivo da rede social, Mark Zuckerberg.




“O Hugo partilha a minha crença de que as realidades virtual e aumentada serão as próximas grandes plataformas de computação. Elas vão permitir-nos experienciar coisas completamente novas e sermos mais criativos do que nunca. O Hugo vai ajudar a construir esse futuro e estou ansioso por tê-lo na nossa equipa”, escreveu Mark Zuckerberg na sua página pessoal.

A acompanhar, uma fotografia dos dois tirada em ambiente de realidade virtual – Hugo Barra estava na China e Mark Zuckerberg nos EUA.

“Estou entusiasmado por partilhar a minha próxima aventura no regresso a Silicon Valley – dentro de alguns meses vou juntar-me ao Facebook como vice-presidente de realidade virtual (VPVR na sigla em inglês) e liderar a equipa da Oculus. O CEO da Xiaomi, Lei Jun, diz sempre que o maior chamamento de um engenheiro é fazer avanços na tecnologia de forma rápida e imediata para o maior espectro possível da humanidade. Essa vai ser a minha missão no Facebook”, comentou Hugo Barra também na sua página pessoal.

Com esta contratação o segmento de realidade virtual do Facebook passa a estar dividido da seguinte forma: Hugo Barra é o chefe de toda a divisão; Brendan Iribe, antigo CEO da Oculus, é o líder da divisão focada em realidade virtual para computador; já a divisão de realidade virtual mobile vai ser liderada por Jon Thomason. Há ainda a considerar a figura de Mike Schroepfer, o diretor tecnológico do Facebook, que acaba por estar também ligado a todos os esforços feitos neste segmento.

Sem mais artigos