A Mastercard está a preparar novidades para o mercado português. Até ao final do ano a empresa espera estrear no nosso país a Masterpass, a carteira digital da empresa que tem como objetivo facilitar o processo de compra e pagamento de serviços na internet. Já no próximo ano o objetivo é testar a ID Check, uma plataforma de autenticações biométricas que trazem maior segurança a estes processos.

As novidades foram dadas pelo responsável pela Mastercard em Portugal, Paulo Raposo, ontem, 27 de outubro, num encontro realizado com a imprensa.




O executivo explicou que apesar do lançamento da Masterpass e da ID Check no mercado português, estes serão programas que vão começar de forma reduzida e que o objetivo é ir expandindo o número de serviços e parceiros compatíveis com o avançar dos meses.

Para melhor ‘atacar’ o mercado português dos pagamentos eletrónicos e digitais, a Mastercard encomendou um estudo sobre os hábitos e tendências dos consumidores portugueses relativamente a estes sistemas de pagamento.

“Quisemos dar o salto e começar a entender a inovação. A inovação está aí, o digital está aí”, salientou Paulo Raposo.

“Os consumidores portugueses são early adopters, sempre tiveram esse caminho no passado. Esse caminho perdeu-se pois a crise económica arrastou algum abrandamento a nível de inovação. Agora estamos num ponto de inversão e a inovação vai começar a surgir gradualmente no mercado”, acrescentou o gestor da Mastercard em Portugal.

“O pagamento é o último estágio da compra, os números que vemos aqui [no estudo] refletem alguma imaturidade no mercado digital. Não temos, quer ao nível de desenvolvimento de aplicações, quer ao nível de carteiras digitais, uma tecnologia disseminada que possibilite o processo de compra. (…) Estou muitíssimo empenhado no desenvolvimento da MasterPass em Portugal”.

Estas foram as principais conclusões do estudo.

 

Mastercard pagamentos eletrónicos

O estudo concluiu ainda que quanto maior o rendimento, maior é o valor médio das compras online e maior é a o nível de utilização dos pagamentos eletrónicos

Mastercard pagamentos eletrónicosPorque não são os equipamentos móveis mais usados? Tem a ver com o tamanho do ecrã e com a facilidade de utilização

Mastercard pagamentos eletrónicos

Sistemas como o PayPal surgem na quarta posição (51,3%), cartão de débito em quinto (36,8%) e cartões virtuais, como o MBNet, em sexto (31,8%)

Mastercard pagamentos eletrónicos“Ainda há um trabalho grande para fazer ao nível da simplificação do processo de compra e de pagamento”, Paulo RaposoMastercard pagamentos eletrónicosOutra conclusão do estudo: falta maior educação na utilização dos cartões Contacless, apesar de a rede de suporte já ser boaMastercard pagamentos eletrónicos

Utilização da impressão digital é o método biométrico preferido dos utilizadores

Mastercard pagamentos eletrónicos






N.R.: “Em Portugal, o estudo foi realizado pela empresa de estudos de mercado Inmark, junto de um universo de portugueses de ambos os sexos, entre os 25 e os 54 anos, economicamente ativos e que tivessem efetuado compras online ou efetuado pagamentos com recurso à tecnologia contactless pelo menos uma vez nos últimos 6 meses. Foram realizadas 1.214 entrevistas, o questionário tinha a duração média de 20 minutos, a margem de erro foi de ±2,8% e o nível de confiança de 95,5%”, informa a Mastercard.

Sem mais artigos