Há um ano escrevíamos sobre a ideia de as pessoas passarem, no curto prazo, a ter parte das suas conversas no dia-a-dia com robôs. Uma maluqueira certo? Afinal quem é que iria querer falar com um robô quando podia falar com… Muitas pessoas, muitas pessoas quiseram falar com robôs neste último ano.

De acordo com dados divulgados pelo vice-presidente de produtos de messaging do Facebook, David Marcus, todos os meses são trocadas dois mil milhões de mensagens entre utilizadores e empresas através do Facebook Messenger. O valor duplicou nos últimos 12 meses, muito graças aos sistemas de respostas e interação automáticas.




Em setembro de 2016 existiam 30 mil bots no Facebook Messenger. Atualmente são mais de 100 mil. Ainda há dúvidas de que pessoas a falarem com robôs é uma tendência que só vai crescer nos próximos tempos?

Na prática um bot é uma ferramenta de resposta automática. Dependendo da forma como foi desenvolvido, pode integrar mais ou menos capacidades de inteligência artificial. Dependendo da implementação do programador, pode ou não falar várias línguas.

Como já é habitual no mundo tecnológico, o mercado norte-americano é um dos que abraça primeiro e com mais força as novas tendências tecnológicas que vão surgindo. Muitos dos bons bots que existem atualmente só estão ainda disponíveis em inglês, pelo que se não dominar a língua, neste momento pode ser um problema em termos de interação.

Se o idioma não for um entrave, então já há muitos robôs com os quais pode conversar, reclamar e até fazer algumas compras.

CNN

O nome dispensa apresentações: é uma das mais reconhecidas marcas de informação do mundo. A partir do momento em que ativa a conversação, fica elegível para receber alguns alertas de notícias enviados pela CNN.

Quando os alertas não estão a cair, o utilizador pode recorrer ao bot da CNN para ficar a par das últimas novidades. Tanto pode pedir as notícias de acordo com as escolhas dos editores, como pode ser o próprio utilizador a definir o tópico sobre o qual quer ficar mais informado – e que inclui tecnologia.

Skyscanner

O popular motor de busca dedicado para informação sobre voos encontrou uma forma de trazer as suas potencialidades também para o Facebook Messenger.

Em menos de um minuto conseguimos ter uma proposta de um voo entre Lisboa e Paris por 57 euros. Se é a opção mais barata no mercado? Não fomos confirmar, mas certamente que foi uma das sugestões mais rápidas e cómodas. Caso decida não reservar o voo no bot do Skyscanner, pode em alternativa, por exemplo, definir alertas sobre as subidas de preços para um determinado destino.

theScore

Este bot é para os amantes de desporto. O theScore permite que o utilizador escreva o nome das equipas, de diferentes desportos, sobre as quais pretende ser notificado. Assim que houver resultados desportivos para partilhar, pode contar com essa informação no Messenger.

Ainda que o bot tenha um maior pendor internacional, conseguimos encontrar várias equipas portuguesas entras as quais constam o SL Benfica, o FC Porto, o SC Braga e o Vitória SC.

Hi Poncho

Este é provavelmente um dos bots mais conhecidos do Messenger e com o qual já tinhamos tido uma pequena conversa quando o Facebook anunciou os bots pela primeira vez.

O Hi Poncho é uma ferramenta que o deixa a par das últimas da meteorologia. Pode pedir o estado do tempo atual, pode pedir as previsões a curto e médio prazo e pode até pedir ao Poncho para fazer uma previsão hora a hora. O sistema usa a geolocalização do smartphone para entregar os resultados mais precisos.

Spotify

O popular serviço de música também tem disponível uma ferramenta automática no Facebook Messenger que foi concebida para ajudar a descobrir música.

Vamos imaginar que o dia está aborrecido e que uma sonoridade nova, desconhecida, é justamente aquilo que precisa para arrebitar. Com o bot do Spotify o utilizador pode pedir sugestões por popularidade ou indicando alguns géneros musicais. Através das sugestões feitas é depois possível partilhar os álbuns, artistas e playlists com os seus contactos.

Hipmunk

À semelhança do Skyscanner, o Hipmunk é um bot que permite ao utilizador descobrir propostas de viagens de forma rápida e simples.

A partir do momento em que diz ao bot a partir de que localização quer viajar, o mesmo faz-lhe de imediato algumas sugestões. Caso prefira escolher para onde quer viajar, então também existe a opção de escrever a cidade de destino que os resultados vão surgir em conformidade.

MojiHunt

O MojiHunt é um bot que é um jogo. É como se o utilizador tivesse um adversário que está constantemente a desafiá-lo para pequenas partidas que são desenroladas simplesmente através de mensagens escritas.

Tal como o nome deixa antever, os emoji vão assumir aqui um papel preponderante. Por exemplo, o MojiHunt vai pedir-lhe que rebente alguns emoji. Para isso terá de enviar uma mensagem com três explosivos para conseguir ganhar acesso a uma caixa – caixa que por sua vez dá acesso a uma chave. E para que serve a chave? Se lhe disséssemos tudo este bot perdia a piada.

ChatBottle

Provavelmente um dos bots mais úteis se realmente gosta de bots. Porquê? Porque na prática este é um bot que lhe permite descobrir outros bots. Ou como o próprio diz, é como se fosse um Google dos bots.

Em poucos passos é possível descobrir muitos outros bots que estão segmentados por categoria – informação, entretenimento, desporto, jogos e moda, por exemplo. E claro, existe uma opção que faz com que o ChatBottle lance uma sugestão completamente aleatória. Quem sabe se não o consegue surpreender tal como nos surpreendeu.

Trivia Blast

Provavelmente foi a melhor surpresa em termos de bots descobertos. Isto porque é o único, daqueles que referimos até agora, que vai responder em português.

O Trivia Blast é uma ferramenta para o Messenger que replica um jogo de trivia. A partir do momento em que o utilizador escolhe uma categoria de perguntas para responder, tem sete questões à sua espera.

Swelly

É indicado por muitas publicações como um dos bots mais interessantes que estão disponíveis atualmente na plataforma do Facebook – isto pois existem mais plataformas de bots, como o Skype e o Slack.

Em certa medida o Swelly pode ser descrito como um Tinder para uma grande variedade de temas. O bot dá ao utilizador a escolher uma de duas imagens para perceber quais são os seus gostos. Quando dissemos que preferimos tecnologia como tema, a baleia Swelly quis saber de imediato se gostamos mais do iPhone ou do Samsung Galaxy. Este é um bot que tem um grande potencial para lhe roubar alguns minutos diários da sua atenção.

TechCrunch

O TechCrunch dispensa apresentações, sobretudo para quem costuma acompanhar a atualidade tecnológica. É uma das mais respeitadas publicações do segmento, especialmente para os que seguem o tema do empreendedorismo.

O bot do TechCrunch é mais um canal através do qual os leitores podem ficar a saber quais são as histórias mais populares do momento e quais as últimas notícias publicadas no seu site.

Future Behind

Não podíamos terminar este artigo sem fazermos uma pequena referência ao nosso próprio bot. Não tem integrado o sistema de inteligência artificial mais avançado do mundo, mas tem inteligência e perspicácia suficiente para lhe fazer algumas sugestões de conteúdos bem interessantes. Diga-nos olá no Messenger!

Conhece outros bots interessantes e que tenham funcionalidades características no Facebook Messenger? Não guarde os segredos todos para si, partilhe com todos os que tanto gostam de falar com robôs como com humanos.

Sem mais artigos