É a notícia que está a marcar a manhã desta quarta-feira. Vários perfis no Twitter estão a espalhar mensagens que integram a cruz suástica e também hashtags que contêm a palavra nazi. Até ao momento não são conhecidos grandes pormenores do ataque, não havendo um número oficial de perfis afetados, não havendo reivindicações pelo ataque e não havendo também uma explicação oficial sobre o que terá permitido a situação. Nesta altura parece que o ataque está de alguma forma ligado ao escalar da tensão política entre a Holanda e a Turquia. As mensagens que estão a ser disseminadas no Twitter incluem inclusive um vídeo de apoio ao presidente turco, Recep Tayyip Erdoğan. Um caso para continuar a acompanhar nas próximas horas.

Boa quarta-feira.

Livro de reclamações online chega no dia 1 de julho: O Ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, anunciou a data a partir do qual vai existir um serviço de reclamações na internet. Numa primeira fase o livro de reclamações online vai estar limitado a queixas ligadas a serviços públicos essenciais, como fornecimento de água, eletricidade ou telecomunicações. As empresas que receberem uma reclamação terão depois um prazo legal de 15 dias úteis para responder aos consumidores. Esta comunicação será feita por email.
Fonte: Público


A maioria dos portugueses quer que a atividade da Uber continue em Portugal: Na próxima sexta-feira vai ser debatido no Parlamento o diploma criado para regular a atividade de Transporte em Veículo Descaracterizado (TVDE). Em Portugal esta atividade já é assegurada por diferentes operadores, como a Uber e a Cabify. Agora um estudo realizado pela Eurosondagem revela que 73,7% dos portugueses querem que a atividade da Uber em Portugal se mantenha. Outros 7,6% dizem que a atividade da empresa deve cessar. No mesmo inquérito mais de 80% dos respondentes dizem que a Uber melhor a mobilidade urbana e que os deputados devem aprovar a proposta de lei que vai ser discutida.
Fonte: Uber [Comunicado]

Vários perfis verificados do Twitter foram pirateados e estão a espalhar símbolo nazi: Não há um número oficial de contas que terão sido afetadas, mas a imprensa internacional fala em centenas, talvez milhares de perfis. Suspeita-se que os atacantes terão tirado partido do serviço Twitter Counter – não oficial do Twitter – para espalhar várias mensagens que incluem hashtags com referências nazis e também o símbolo deste movimento. Amnistia Internacional, Reuters Japão, Starbucks Argentina, Blockchain e BBC America estão entre as entidades de alto perfil afetadas.
Fonte: The Verge

Parappa The Rapper Remastered chega no dia 4 de abril: Foi um dos jogos mais icónicos da PlayStation original e agora está de volta. Parappa The Rapper vai ficar disponível na PlayStation 4 no dia 4 de abril. Neste título os jogadores terão de aprender diferentes estilos de dança, algo que se faz através da sincronização de movimentos com as teclas do comando. Parappa The Rapper vai fazer parte de um novo pacote de promoções que a Sony Interactive Entertainment vai ter na sua loja online e que recebe a denominação de Play Collective.
Fonte: Engadget

Signal agora também suporta chamadas de vídeo encriptadas: É reconhecida como uma das aplicações de comunicação mais seguras da atualidade. A Signal agora também disponibiliza comunicações encriptadas em videochamadas. Esta encriptação end to end adiciona uma camada de segurança extra às comunicações dos utilizadores. A funcionalidade estava a ser testada em dispositivos Android desde fevereiro, mas agora está disponível para todos os utilizadores da versão para Android e iOS.
Fonte: Slashgear

Huawei P10 Lite pode estar a caminho: Um retalhista italiano já tem disponível para reserva, no seu site online, o Huawei P10 Lite. Muitos estranharam a não revelação do smartphone durante o Mobile World Congress, mas ao que tudo indica o equipamento existe mesmo. Ecrã Full HD de 5,2 polegadas, processador de oito núcleos, 4GB de RAM, 32GB de armazenamento e sensor fotográfico de 12 megapíxeis serão algumas das características do equipamento. O Huawei P10 Lite está listado por 349 euros no site italiano.
Fonte: PhoneArena