Estima-se que em 2020 perto de 75% do tráfego de internet vai ser usado para consumir conteúdos de vídeo. A qualidade visual das produções aliada à cada vez maior qualidade da internet tem permitido ao vídeo ganhar um destaque preponderante no segmento digital moderno. Não é por isso de estranhar que quase todas as grandes empresas tenham interesse no vídeo: Google/YouTube, Amazon/Twitch/Amazon Video, Netflix, Twitter/Pinterest. O Facebook é outra das empresas que tem apostado forte no vídeo e agora a empresa parece estar preparada para dar o seu próximo passo: disponibilizar conteúdos – como séries – que serão exclusivas da sua plataforma social. Nesta fase parece difícil ver o Facebook a ganhar uma escala tão assinalável quanto a Netflix, por exemplo. Mas há uns anos também parecia difícil o Facebook desafiar o YouTube. Resta saber se os consumidores vão ser capazes de focar-se numa série na plataforma que os habituou a uma grande torrente de informações e diversidade de conteúdos.

 

Atualização vai trazer Netflix em HDR para os smartphones: Quando a atualização 5.0 ficar disponível para a aplicação da Netflix, o serviço de streaming vai ganhar suporte para conteúdos HDR 10 e HDR Dolby Vision. Numa fase inicial apenas o smartphone LG G6 vai suportar os conteúdos nesta definição, sendo que atualmente no mercado só existe mais um smartphone com essa capacidade, o Galaxy S8. Se tiver dúvidas sobre o que é a tecnologia HDR, pode consultar este nosso artigo.
Fonte: GSM Arena

Falha encontrada em sistema da Intel permite aceder a computadores que estão desligados: Existe uma perceção generalista de que se o computador estiver desligado, está a salvo dos piratas informáticos. Uma falha de segurança encontrada na Active Management Technology da Intel prova o contrário. Caso o pirata informático consiga explorar este sistema – pois foi descoberta uma falha de segurança grave -, pode inclusive controlar o computador à distância mesmo que esteja desligado, bastando estar ligado à corrente elétrica. A Intel tenciona lançar uma atualização de segurança esta semana.
Fonte: ArsTechnica

Protótipo da Nintendo PlayStation está funcional: É uma consola quase mitológica e estima-se que tenham sido produzidas poucas centenas de unidades. A Nintendo PlayStation é tal como o nome indica um protótipo de uma consola feita pelas duas gigantes japonesas. O trabalho acabou por nunca ser concluído, mas recentemente surgiu um protótipo em bom estado, mas cujo leitor de CD não funcionava. O entusiasta do hardware Ben Heckendorn, conhecido como Ben Heck, já conseguiu colocar a drive de CD a funcionar. Agora só falta arranjar jogos compatíveis.
Fonte: Engadget

Surgiram imagens daquela que pode ser a Amazon Echo com ecrã: O repórter Evan Blass voltou a fazer das suas e divulgou no Twitter aquelas que serão as primeiras imagens da versão da Amazon Echo com um ecrã integrado. É expectável que o equipamento seja lançado no final de maio, engrossando assim a lista de equipamentos da família Echo. Especula-se que o ecrã será de sete polegadas e que o sistema de som será melhor do que aquele que existe na Echo original.
Fonte: AFTVNews

Facebook deverá lançar conteúdos originais em junho: Não é segredo que o Facebook tem-se reforçado na tentativa de criar uma divisão de conteúdos de vídeo próprios. Esses esforços vão em breve materializar-se. Segundo as informações apuradas, o Facebook tenciona lançar várias séries durante o mês de junho. Algumas serão produções mais maduras, outras serão mais experimentais. Numa dessas séries serão acompanhadas pessoas cujo relacionamento iniciou-se em cenários de realidade virtual.
Fonte: Business Insider

Sem mais artigos