Ouvir o nome Final Fantasy é o mesmo que ouvir um sinónimo de aventuras épicas. Já o foi mais no passado longínquo do que no passado recente, mas parece que o mais recente título da franquia restabelece alguma da magia e imersão que caracterizaram a série. Final Fantasy XV apostou numa estratégia transmedia para conseguir chegar ao maior número possível de pessoas. Mas talvez o próprio desenvolvimento do jogo desse um jogo épico. Foram dez anos de avanços e recuos que culminam agora num título que está a ter uma boa receção da crítica especializada. Já passou tanto tempo que o nome original do jogo, Final Fantasy XIII Versus, está quase enterrado na memória dos jogadores.

Boa terça-feira.

Novo iPad pode ter ecrã de 10,9 polegadas e perder o botão Home: Parece cada vez mais certo que a Apple vai mexer em breve na sua linha de tablets. Novos rumores dizem que o modelo de 9,7 polegadas vai passar a ter um ecrã de 10,9 polegadas sem que isso afete o tamanho do dispositivo. Tudo graças a um ecrã sem margens que fará desaparecer o botão Home. O dispositivo ficará no entanto um pouco mais grosso para que a autonomia possa ser melhorada.
Fonte: 9to5Mac




Nintendo vai permitir experimentação da Switch já em janeiro: A tecnológica japonesa tinha dito que revelaria os restantes pormenores da consola num evento em janeiro, mas agora sabe-se que a Nintendo também já vai permitir que a consola seja jogada. Esta experimentação vai acontecer no dia 13 de janeiro e vai, ao que tudo indica, ser exclusiva na cidade de Nova Iorque, nos EUA.
Fonte: Polygon

CNN terá pagado 25 milhões de dólares pela aplicação Beme: É um sinal claro dos tempos. A CNN, uma das mais relevantes marcas de informação do mundo, comprou a aplicação Beme, criada pelo youtuber Casey Neistat. O produtor videográfico vai juntar-se à CNN para ser o líder de uma nova vaga de conteúdos que o canal tenciona produzir para captar audiências mais jovens.
Fonte: The New York Times

Amazon declara guerra aos produtos contrafeitos: É um dos principais problemas dos grandes mercados online, mas a Amazon quer limpar o seu nome desta lista. A gigante norte-americana definiu o combate à contrafação com um dos seus objetivos para 2017. A empresa estará a preparar equipas nos EUA e na Europa que vão trabalhar de perto com as marcas para evitarem o maior número possível de itens falsificados.
Fonte: Bloomberg

Dez anos depois, Final Fantasy XV chega finalmente às consolas: Foi uma longa e dura jornada, provavelmente para a produção do jogo, mas sobretudo para os fãs. Mas o que lá vai, lá vai e Final Fantasy XV está agora disponível na PlayStation 4 e na Xbox One. O jogo conta a aventura de Noctis e dos seus amigos na tentativa de protegerem o reino de Lucis. Nos links em baixo pode encontrar algumas reviews do jogo.
Fonte: Destructoid | IGN | Kotaku | Polygon

Sem mais artigos