A Samsung cometeu dois erros: o primeiro durante o processo de desenho e fabrico do Galaxy Note 7, o segundo quando permitiu que uma segunda vaga de equipamentos defeituosos chegasse ao mercado. Mas também é preciso reconhecer que a tecnológica sul-coreana tem feito um grande esforço para não deixar que os Galaxy Note 7 ainda disponíveis possam tornar-se num perigo para os seus donos teimosos. Nesta altura trata-se disso mesmo, de teimosia e nada mais. A Samsung não devia arriscar e devia tentar tornar inutilizáveis todos os Note 7 que ainda estão em uso e serão mais de 300 mil em todo o mundo. Uma questão interessante para pensar: se nesta altura houver um acidente relacionado com o smartphone, a Samsung ainda deve ser considerada culpada ao fim de várias tentativas de recolha e limitação dos equipamentos?

Boa segunda-feira.

Samsung já recolheu 90% dos Galaxy Note 7 vendidos: Dos 3,06 milhões de Galaxy Note 7 comercializados antes da recolha global, a Samsung já conseguiu recuperar 2,7 milhões. Na Europa e nos EUA as taxas de recolha situam-se acima dos 90%, enquanto no país-natal a taxa está ligeiramente acima dos 80%. A Samsung tem feito vários esforços para que as pessoas devolvam os equipamentos potencialmente perigosos, estando inclusive preparada uma atualização que vai tornar os equipamentos obsoletos.
Fonte: Android Headlines




Super Nintendo World deverá estrear em 2020: O primeiro parque temático da Nintendo em parceria com os Universal Studios já tem janela de estreia. O objetivo é fazer com que o espaço Super Nintendo World esteja concluído antes dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Este primeiro parque temático ficará localizado na cidade japonesa de Osaka. Uma imagem conceptual mostra zonas inspiradas no Reino do Cogumelo, no castelo do Bowser e também figuras como a princesa Peach e um Toad.
Fonte: The Verge

The Grand Tour alvo de forte pirataria: A série da Amazon sobre automobilismo é uma das mais caras de sempre – tem um orçamento próximo aos 190 milhões de euros – e agora também uma das mais pirateadas. Só o primeiro episódio foi descarregado ilegalmente 7,9 milhões de vezes, o segundo 6,4 milhões e o terceiro 4,6 milhões. Os valores são da empresa de análise MUSO que estima que a Amazon tenha perdido 4,3 milhões de euros só com o primeiro episódio. A título de comparação, o episódio final da série Game of Thrones em 2015 foi descarregado 14,4 milhões de vezes.
Fonte: Daily Mail

Portugueses gastaram 682 milhões de euros em tecnologia: Durante o terceiro trimestre do ano o mercado da eletrónica de consumo e dos eletrodomésticos cresceu 3,6% em comparação com igual período do ano anterior, revelam dados da GfK. Para o final do ano estima-se que o crescimento acelere um pouco, para os 4%, fruto da venda de smartphones e também de equipamentos de videojogos.
Fonte: Público

Bill Gates lidera investimento de mil milhões de dólares em energias renováveis: O cofundador da Microsoft é um dos investidores de proa do fundo Breakthrough Energy Ventures (BEV). Na lista constam ainda nomes como os de Jack Ma, diretor executivo da Alibaba. Este fundo pretende financiar novas soluções de energias renováveis, estando numa primeira fase focado nas soluções de armazenamento. Este fundo vai ser gerido nos próximos 20 anos.
Fonte: Quartz

Sem mais artigos