Quando conversámos com Adam Cheyer, um dos cofundadores da Siri e mais recentemente da Viv, ele disse acreditar que a próxima vaga tecnológica será liderada pela inteligência artificial. Sobretudo pelos assistentes que vão marcar presença em vários equipamentos de eletrónica. Esta visão começa de facto a ganhar formato: a Microsoft tem a Cortana; a Google tem o Assistant; a Amazon tem a Alexa; a Apple tem a Siri; e a Samsung agora tem a Viv. O que resta às empresas que não fizeram a sua própria aposta em inteligência artificial? Tentar negociar com as que o fizeram. É isso que a LG estará a tentar fazer para o seu próximo smartphone topo de gama, o LG G6. O Google Assistant será a primeira escolha da empresa, mas a Alexa também está na calha. Mas além da LG há mais empresas que terão de fazer a sua escolha no futuro, como a Sony, a Huawei, a Xiaomi ou a Asus.

Bom sábado.

LG G6 pode vir equipado com o Google Assistant: Em outubro do ano passado a Google revelou com mais detalhe o seu novo grande produto, o Google Assistant. Mas até agora a ferramenta está disponível num conjunto muito pequeno de gadgets. Isso pode começar a mudar em breve. Rumores dizem que o próximo smartphone topo de gama da LG, o G6, pode vir equipado com o Google Assistant. Caso as negociações falhem, a LG poderá tentar uma parceria com a Amazon para a inclusão da Alexa.
Fonte: Business Korea




Tidal pode ter mentido no número de subscritores: O serviço de música por streaming do cantor norte-americano Jay-Z pode não estar a ter um desempenho tão positivo quanto aquele que é comunicado. Alegadas novas informações dizem que o Tidal forjou o número de subscritores: quando a empresa dizia publicamente que tinha três milhões, não eram mais do que 850 mil. Em outubro o serviço teria 1,1 milhões de subscritores, o que coloca o Tidal muito abaixo da concorrência mais direta.
Fonte: Forbes

Aplicação Meitu levanta reservas sobre a privacidade dos utilizadores: Parecia estar encontrado o primeiro sucesso viral de 2017, a aplicação de filtros Meitu. Na prática esta app aplica filtros às fotografias dos utilizadores por forma a torná-los em desenhos animados. Mas rapidamente a aplicação Meitu foi acusada de práticas pouco transparentes no que diz respeito à recolha de dados. Foi encontrado código de serviços externos que analisam alguns dados do smartphone do utilizador para direcionamento de publicidade.
Fonte: Wired

Apple processa Qualcomm por cobrar demais sobre as suas patentes: A Qualcomm atingiu um estatuto de grande gabarito no segmento dos dispositivos móveis – algo que o regulador nos EUA acredita poder não ter sido ‘jogo justo’. Agora a Apple decidiu processar a Qualcomm por considerar que a empresa está a cobrar demasiado pelos direitos de utilização das suas patentes. A Qualcomm já rebateu a acusação dizendo que as queixas da Apple não têm fundamento.
Fonte: The Verge

Google quer facilitar a ligação a hotspot mobile: É uma funcionalidade que tem marcado presença no Android desde as suas primeiras versões: usar o dispositivo móvel como um hotspot de internet para outros equipamentos. O processo implicava alguns passos de configuração, mas agora a Google quer eliminar esta complexidade. Nos dispositivos que tiverem associada a mesma conta de utilizador Google, se houver perda de internet, a Google vai perguntar se quer ligar automaticamente ao hotspot mobile. Para que isto aconteça a conexão Bluetooth tem de estar ligada.
Fonte: Android Police