A chegada de uma nova consola é sempre um momento de grande relevo. Primeiro porque só surgem novas consolas de longe a longe, não é como no caso dos smartphones ou dos tablets que surgem grandes novidades a cada três meses. Em segundo lugar porque o mercado dos videojogos tem mudado de forma significativa ao longo dos últimos anos, muito graças ao crescimento dos dispositivos móveis. Goste-se ou não, o lançamento da Nintendo Switch é um marco importante para a indústria. Nunca uma consola de videojogos dedicada prometeu um conceito híbrido tão completo quanto aquele que a Nintendo Switch apresenta. Se a Switch tiver uma boa aceitação comercial, então é fácil de imaginar um futuro onde a consola da Nintendo não estará sozinha neste conceito de jogar ‘onde quiser, quando quiser e como quiser’.

Boa sexta-feira.

Nintendo Switch já disponível: Se ficou atraído pelo conceito da nova consola da Nintendo já pode deslocar-se até um retalhista para comprar a Nintendo Switch. Esta é a primeira consola do mercado que assenta num sistema totalmente híbrido, isto é, tanto pode ser jogado no televisor como fora de casa e em qualquer momento. Em Portugal a Nintendo Switch pode ser comprada por um valor próximo aos 330 euros.




Gralha esteve na origem dos problemas com os servidores da Amazon: Bastou um pequeno erro durante uma operação de manutenção para que alguns dos principais serviços da internet ficassem offline. A Amazon tencionava colocar offline apenas um pequeno conjunto de servidores, mas uma gralha no código fonte acabou por colocar nesse estado um grupo importante de máquinas de alojamento. Numa nota pública a Amazon voltou a pedir desculpa pelo sucedido e diz que vai aprender com o erro.
Fonte: The Next Web

Amazon quer criar serviço de entrega de encomendas para a Lua: À medida que a exploração espacial está a ganhar força junto de investidores privados e já não vive exclusivamente de dinheiros públicos e internacionais, novas ideias começam a surgir. O diretor executivo da Amazon, Jeff Bezos, criou um relatório no qual detalha um serviço de entrega de encomendas para a Lua. Recorda-se que Jeff Bezos também é dono da Blue Origin, uma das empresas que tem estado a desenvolver foguetões reutilizáveis.
Fonte: The Washington Post

Spotify já tem 50 milhões de subscritores: O serviço de música por streaming continua a sua caminhada na conquista de novos utilizadores. Há um ano, em março de 2016, o Spotify anunciava ao mundo 40 milhões de subscritores, o que lhe dá um crescimento de dez novos milhões de ‘pagantes’ num ano. O Spotify tem mais de cem milhões de utilizadores ativos e este valor agora revelado mostra que os planos da empresa para converter utilizadores freemium em utilizadores pagos tem estado a resultar.
Fonte: TechCrunch




Line está a preparar um assistente digital: Vai chamar-se Clova e será a resposta da empresa japonesa Line à tendência dos assistentes digitais. De acordo com as primeiras informações reveladas, o objetivo é que a Clova funcione de forma semelhante à Alexa da Amazon – funcionando de forma integrada com aplicações ou simplesmente com uma grande variedade de hardware. A primeira demonstração da Clova só deverá ser feita no início do verão.
Fonte: Financial Times

Snap Inc. valoriza 44% no seu primeiro dia na bolsa de valores: A empresa responsável pela rede social Snapchat teve um primeiro dia em cheio na bolsa norte-americana. Com uma valorização de 44%, a tecnológica fechou o primeiro dia a valer 28 mil milhões de dólares. O crescimento durante a sessão chegou a ser maior e colocou a empresa com uma valorização de 29,1 mil milhões de dólares, mas as transações não seguraram estes números. Fortes valorizações nos primeiros dias não são incomuns, sendo normal também haver uma ligeira correção dos valores nas sessões seguintes.
Fonte: The Guardian