Quando vemos a palavra ‘gate‘ a seguir a outra palavra sabemos de imediato que estamos perante um escândalo. Tudo começou na década de 1970 justamente com o escândalo político Watergate. O termo foi-se disseminando e também chegou às tecnologias. O lançamento do iPhone 4 ficou marcado pelo ‘Antennagate’. O lançamento do iPhone 6 foi abalado pelo ‘Bendgate’. E agora a Microsoft parece ter arranjado o seu próprio problema que está a ser apelidado de ‘Webcamgate’. É normal que atualizações de software provoquem algumas incompatibilidades de hardware e software – mas alegadamente a mais recente atualização do Windows 10 terá afetado milhões de pessoas, de acordo com as publicações internacionais. Mais um ‘gate‘ que fica para a história.

Atualização do Windows 10 deixou webcams sem funcionar: Já há quem lhe chame o #Webcamgate. A atualização de aniversário do Windows 10 deixou de suportar os codecs de vídeo H.264 e MJPEG, algo que estará a provocar um grande número de problemas em webcams. A Microsoft admitiu que a nova atualização trouxe algumas incompatibilidades, mas sem referir especificamente o caso das câmaras dos computadores. Uma atualização já estará em desenvolvimento, tendo data de chegada para setembro.
Fonte: The Verge



Lyft procurou opção de venda junto das grandes empresas: A maior rival da Uber nos EUA, a Lyft, terá tentado um acordo de venda com a Apple, Google, Amazon, Didi Chuxing e também com a General Motors. É dito que a Lyft tem uma almofada orçamental de 1,4 mil milhões de dólares e que por isso conseguirá manter-se no ativo sem grandes problemas. O que a empresa terá procurado, acima de tudo, foi um maior poder de investimento para responder aos avanços de empresas como a Uber.
Fonte: The New York Times

Facebook volta à carga entre o público jovem: Há muito que Mark Zuckerberg tem tentado apelar aos mais novos através de diferentes apps do Facebook. Não tem conseguido, mas agora está disposto a tentar outra vez. Chama-se Lifestage e é uma aplicação focada em vídeos e selfies, e que tem como público-alvo os jovens do ensino secundário – por agora apenas nos EUA. A aplicação foi desenvolvida por um jovem de 19 anos, Michael Sayman.
Fonte: Mashable

Snowden diz que ataque informático à NSA é verdadeiro: O antigo funcionário da NSA e delator mais famoso do mundo divulgou documentos onde parece confirmar-se que as ferramentas de espionagem alegadamente roubadas à agência de segurança norte-americana são de facto verdadeiras. Ou seja, a NSA pode muito bem ter sido pirateada como alega o grupo Shadow Brokers. Para Edward Snowden esta é apenas mais uma prova da ‘guerra fria digital’ que está a ser travada entre EUA e Rússia.
Fonte: The Intercept

Criam robô de 15 milímetros que transportam 10 vezes o seu peso: Não é uma formiga eletrónica, mas parece. Investigadores da Universidade de Varsóvia, na Polónia, desenvolveram um micro-robô que só precisa de luz para funcionar. O material reage à luminosidade e permite que o robô faça deslocações e consiga transportar material com um peso muito superior ao seu.
Fonte: Engadget