Quando Tim Cook soube desta notícia deve ter ficado a noite em claro e sem sequer pestanejar. A esmagadora maioria dos smartphones que usamos são fabricados na China. Ou seja, os fabricantes têm acesso a componentes, a técnicas de produção e até aos modelos de desenho dos equipamentos. Da China vêm muitas cópias dos principais smartphones como os Samsung Galaxy ou os iPhone. Só que o destino reservou uma armadilha para a Apple: a marca da maçã, que tanto tem sido copiada ao longo dos últimos anos, é agora acusada de infringir o design de um smartphone de uma marca chinesa.

Bom fim de semana para todos.

Snapchat vai ter publicação diária fora da aplicação: Chama-se Real Life e é uma revista digital onde o Snapchat vai abordar temas ligados à tecnologia e ao estilo de vida. A publicação vai ser dirigida pelo investigador da rede social Nathan Jurgenson e arranca oficialmente a 27 de junho.
Fonte: TechCrunch

Twitch combate visualizações fantasma: No mundo online as visualizações ainda são das métricas mais importantes para medir o sucesso dos conteúdos, mas em muitos casos estes valores são forjados. O Twitch veio a público explicar como combate os viewbots, robôs desenhados para gerarem visualizações no site de streams dedicados ao gaming. Uma das etapas passa por processar empresas que fornecem estes viewbots.
Fonte: Slashgear

iPhone 6 e 6s proibidos em Pequim: A entidade responsável por gerir os temas da propriedade intelectual em Pequim, capital da China, decretou que as vendas do iPhone 6 e 6s devem ser proibidas. Em causa está uma alegada violação de design por parte da Apple e que prejudica uma empresa chinesa. A marca da maçã pode recorrer da decisão e se o fizer as vendas dos iPhone continuarão a ser possíveis até que o caso conheça um desfecho.
Fonte: Bloomberg

LG cria televisor que afasta mosquitos: A marca sul-coreana lançou um televisor na Índia cujo principal destaque é um sistema que mantém a divisão da casa livre de mosquitos. A Mosquito Away TV usa ultrassons para manter os insetos longe dos utilizadores.
Fonte: The Next Web

Volkswagen quer lançar 30 veículos elétricos até 2025: Depois do escândalo das emissões de poluentes, no qual forjava os resultados para passar nos testes dos reguladores, a marca alemã tenta encontrar paz consigo mesma e com os utilizadores apostando nos veículos elétricos. O objetivo da iniciativa “Estratégia 2025” é ter 30 veículos ‘limpos’ nas estradas ao longo da próxima década. Um destes veículos será a nova carrinha ‘pão de forma’, mas em versão elétrica.
Fonte: The Verge