A nova versão dos óculos de realidade virtual traz algumas diferenças relativamente ao modelo lançado em 2015, mas nenhuma delas é significativa ao ponto de falarmos numa grande atualização de hardware – é mais um refinamento da versão que já estava no mercado.

A primeira grande diferença dos novos Gear VR é a cor azul escura que predomina no dispositivo – até aqui todas as versões dos óculos de realidade virtual tinham sido brancas.




Há também novidades no painel tátil do lado direito: o modelo de 2015 tinha um baixo relevo, a versão de 2016 apresenta-se plana, como se fosse o trackpad de um computador. Mas para facilitar um pouco a navegação a tecnológica sul-coreana colocou um novo botão de Início ao lado do botão ‘Recuar’ – assim é possível voltar ao menu principal dos Gear VR apenas com um toque.

A Samsung também decidiu melhorar os ângulos de visualização do equipamento de 96º para 101º – é uma evolução positiva e por isso é bem-vinda, mas não deverá trazer um grande impacto na experiência de utilização.

Por fim há a salientar que esta é a primeira versão dos Gear VR apresentada com um conector USB do tipo C, para poder ser compatível com o recém anunciado Galaxy Note 7. Mas por forma a garantir a compatibilidade com smartphones anteriores este conector é modular e pode ser substituído por um microUSB.

O preço vai manter-se nos 99 euros e deverá chegar ao mercado português na mesma altura que o Galaxy Note 7, isto é, 2 de setembro. A Samsung vai ainda ter a decorrer uma campanha na qual vai oferecer os óculos VR a todos os que comprarem em pré-venda o Galaxy Note 7 entre os dias 16 e 30 de agosto.

Sem mais artigos