A tecnológica sul-coreana foi até ao Consumer Electronic Show mostrar as suas novas gamas de televisores. Os modelos para 2017 estão a ser definidos com a sigla QLED, uma tentativa da Samsung para criar uma tecnologia alternativa ao OLED e que é uma das imagens de marca da rival LG.

Mas o que é afinal o QLED? Na prática é uma mistura de duas tecnologias: os quantum dots, cristais semicondutores com apenas alguns nanómetros de tamanho, com a mais tradicional tecnologia dos díodos emissores de luz (LED).




Juntando as duas tecnologias a Samsung diz que consegue criar uma tecnologia de imagem que aproxima-se mais do OLED – que se destaca por ter cores mais vibrantes e também pela capacidade de ausência de luz, algo que traz maior profundidade e contraste à reprodução de conteúdos.

Um dos destaques claros da tecnologia QLED é a possibilidade de aumentar de forma considerável o brilho do televisor, sem que isso signifique uma perda da saturação das cores. Os televisores QLED da Samsung conseguem atingir entre 1.500 e 2.000 nits nos picos de luminosidade, quando os modelos do ano passado atingiam em média os 1.000 nits.

Há também uma melhor reprodução de cores, com a Samsung a garantir que os QLED conseguem representar 99% do espectro de cores que existem no standard DCI-P3, aquele que é usado pelos principais produtores de conteúdos nos EUA. O Engadget destaca que estas melhorias são acima de tudo notórias em conteúdos HDR, quando as tonalidades são ‘puxadas’ ainda mais pelo hardware.

A reprodução do preto no QLED também apresenta-se melhorada de acordo com os relatos da imprensa internacional, mas não conseguindo atingir os mesmos níveis de profundidade garantidos pelo OLED.

A falta de brilho é de facto uma das fraquezas dos televisores OLED, mas não é o único elemento a considerar no confronto entre as duas tecnologias de ecrãs. De acordo com a CNet, a Samsung melhorou de facto a qualidade dos seus televisores, mas os primeiros resultados parecem não ser suficientes para garantir que está encontrada a melhor alternativa ao OLED.

No final haverá um outro elemento a ter em conta: qual o preço dos televisores com tecnologia QLED? O OLED é justamente conhecido por garantir a melhor qualidade de imagem, mas isso reflete-se depois no preço avultado dos televisores. A Samsung ainda não revelou os preços para as suas novas linhas Q7, Q8 e Q9, sendo este um elemento que poderá trazer algum equilíbrio na luta contra o OLED.

CES 2017 FUTURE BEHIND BANNER

Sem mais artigos