Terminou esta semana nos EUA a quarta temporada da série Silicon Valley, da produtora HBO. Numa altura em que os temas do empreendedorismo e da tecnologia estão tão em voga, a criação de uma série que é uma sátira ao momento tecnológico que vivemos é muito pertinente. Junte-se a isso uma boa dose de humor e temos uma produção que é um sucesso considerável à escala global.

Talvez não tão popular quanto séries como Game of Thrones ou Boardwalk Empire, mas é popular acima de tudo junto das pessoas que têm interesse pela área tecnológica.

Siga o Future Behind: Facebook | Twitter | Instagram

É por isso que o vídeo que lhe mostramos a seguir é, no mínimo, interessante. A série, à semelhança de outras produções da HBO, tem um separador de introdução que é bastante característico. Dura apenas dez segundos e se dependesse do criador da série, Mike Judge, nem um centésimo de segundo era despendido em algo que não a própria série. Mas já que existe, mais vale apreciá-lo.

De temporada para temporada a introdução mantém-se quase inalterada, sendo feitas apenas algumas mudanças que se ajustam àquilo que está de facto a acontecer no ‘Silicon Valley da vida real’. Um exemplo: entre a temporada três e quatro o logótipo da Uber mudou de cor para corresponder ao rebranding operado pela tecnológica.

Acontece que mesmo sendo apenas composto por dez segundo, a sequência de introdução tem na realidade muitos easter eggs, isto é, pequenos segredos que não são visíveis à primeira vista. Depois de bem analisados, estes easter eggs são, tal como a própria série, muito pertinentes e satíricos.

Esta é a introdução de dez segundos da quarta temporada:

E esta é a análise a esta mesma introdução feita pelo canal de vídeo Shots Fired. Aconselhamos a que veja todo o vídeo, pois são de facto muitos os easter eggs que à primeira vista não são visíveis na introdução. Vamos apenas fazer um teaser: alguma vez reparou no logótipo do Snapchat e por onde é que ele passa?

Sem mais artigos