Além de marcar presença nos grandes eventos de videojogos como a Electronic Entertainment Expo (E3) e a Gamescom, a Sony Interactive Entertainment agora também organiza o seu próprio ‘certame’. Ontem foi dia de PlayStation Experience e o evento foi um festival de novidades.

Há um novo jogo de Uncharted. Há remasterizações de Wipeout e Crash Bandicoot a caminho. Há novas imagens de The Last Guardian, Horizon: Zero Down e Gravity Rush 2. Também há novos jogos de realidade virtual como Starblood Arena, Ace Combat 7 e Dino Frontier. E há uma sequela para Knack.




Mas o anúncio que acabou por marcar o evento foi a confirmação da sequela de The Last of Us, um dos videojogos mais aclamados dos últimos anos. Ellie e Joel estão de volta, mas tudo o que temos de momento é o primeiro vídeo oficial do jogo.

O jogo está a ser desenvolvido pela Naughty Dog, estúdio que também foi responsável pelo primeiro título. Ainda não existem mais informações sobre The Last of Us Part II, mas a publicação Kotaku diz que será Neil Druckmann a conduzir o desenvolvimento do jogo, não contando desta vez com a ajuda de Bruce Straley. A dupla trabalhou no desenvolvimento da primeira parte de The Last of Us e também em Uncharted 4, mas Bruce Straley estará num período sabático.

O que o trailer revela

Apesar de ser acima de tudo cinemático, o trailer deixa pequenas, mas interessantes indicações sobre o que poderá sustentar esta nova aventura.

As imagens mostram claramente uma Ellie mais crescida, mais fria e com tendência para a vingança. “Vou encontrar e vou matar cada um deles”, disse a jovem depois de questionada por Joel se era este o caminho que queria seguir.

The Last of Us Part II

Há a possibilidade de Ellie tornar-se na personagem principal de The Last of Us Part II, depois de Joel ter assumido as rédeas no primeiro capítulo.

O sangue é uma tónica constante neste primeiro vídeo de apresentação. E a casa onde Ellie está neste momento apresenta algumas mortes recentes – terá sido Ellie? Ou Ellie já terá encontrado aquele cenário?

O jogo original

The Last of Us foi um dos últimos grandes jogos a sair para a PlayStation 3. Em 2013 o videojogo já apresentava um nível visual bastante evoluído e detalhado. Mas foi o estilo da narrativa e também as cenas de ação do jogo que o trouxeram para a ribalta.

The Last of Us ganhou mais de 200 prémios da crítica especializada e é reconhecido como um dos melhores jogos dos últimos anos. O título acabaria por ser remasterizado para a PlayStation 4, ajudando na promoção inicial da consola da Sony Interactive Entertainment.

No primeiro capítulo da história os jogadores acompanham Joel e Ellie, as personagens principais, por uma travessia nos EUA num cenário pós-apocalíptico. O país foi afetado por um vírus que transforma os humanos em criaturas violentas e canibais.

Num mundo em desordem, rapidamente os humanos transformam-se também num inimigo a ter em conta. Joel é um adulto na altura, mas Ellie é apenas uma criança. Uma criança especial diga-se: apesar de ter sido exposta ao vírus, não ficou afetada como os outros humanos.

Se ainda não conhece a história, possivelmente ainda não jogou The Last of Us. Mas não seremos nós a revelar o restante enredo pois dado que ainda não existe uma data de lançamento para o segundo capítulo, o mais provável é ter largos meses à sua frente para poder recuperar as aventuras do primeiro jogo.