A Microsoft já tinha anunciado no ano passado que tencionava trazer esta funcionalidade até ao seu ecossistema de videojogos, mas só no dia 12 de dezembro é que a promessa ficará finalmente cumprida. A ligação entre os dois dispositivos não será direta e vai exigir sempre a mediação de um computador com Windows 10.




Na prática os jogadores vão poder enviar o stream da Xbox One para o computador e a partir do computador fazer a ligação com os Oculus Rift, salienta o Engadget.

Para terem acesso a este modo de jogo, a Oculus vai disponibilizar uma aplicação na Oculus Store para garantir a interligação entre os sistemas.

De destacar que esta ferramenta não vai tornar os jogos da Xbox One em experiências de realidade virtual. Os jogos serão transmitidos num ecrã gigante dentro dos óculos, o que por si só já poderá permitir um maior grau de imersão.

A Microsoft estreita assim a sua parceria com a Oculus: o comando da Xbox One é atualmente o controlador oficial dos óculos de realidade virtual Oculus Rift. A Microsoft também pretende estender o suporte a dispositivos de realidade virtual quando fizer chegar ao mercado o Project Scorpio.