Gravastar Venus coluna

GravaStar Venus – Uma pequena coluna com muito para oferecer

A primeira experiência que tive com a GravaStar foi com os earbuds SIRIUS PRO, depois passei pela coluna Mars Pro e agora chegou a altura de testar a GravaStar Venus. Uma pequena coluna com um design semelhante à Mars Pro, apresentando mesma dose de tempero cyberpunk, mas com dimensões mais contidas.

Siga o Future Behind: Facebook | Twitter | Instagram

Ao pensar em GravaStar é-me impossível não pensar em produtos de design arrojado, sempre aliado à qualidade do som que fornecem. Se na Mars Pro os graves eram fortes, mas o som continuava, na maior parte dos casos, equilibrado, como é que será que a coluna mais pequena da sua coleção se porta?

.

A primeira coisa que me chamou à atenção foi o tamanho, depois da experiência com a Mars Pro esperava que esta GravaStar Venus tivesse uma dimensão semelhante (verdade, não procurei as dimensões antes de receber a coluna), mas não. A GravaStar Venus é uma pequena coluna com construção maioritariamente em metal, o que faz com que seja pesada para o seu tamanho e, tal como a Mars Pro, fez-me sentir que estava com um produto premium na mão.

Siga o Future Behind: Facebook | Twitter | Instagram

A pequena coluna apresenta apenas 4 botões: um para ligar e desligar, outro para emparelhamento de dispositivos bluetooth e outros dois para aumentar e diminuir o volume. Simples e fácil de usar, a Venus continua a fazer sons “mecânicos” quando a ligamos e desligamos e tem uma voz similar à Mars Pro a avisar que está pronta para ser emparelhada ou até que já está conectada ao dispositivo.

Pequena, mas poderosa

Com o seu tamanho bem mais pequeno (as dimensões são: 6.1H x 8.13L x 7.11W cm, com 450 gramas de peso) esperava também que o som fosse mais discreto, mas não. A coluna consegue aguentar um bom volume sem distorcer o som, e apresenta sons limpos até um certo ponto. Os graves não são fortes, mas estão presentes na pequena driver subwoofer  e os agudos são detalhados.

Ao puxar o volume ao máximo consegue-se perceber que se atingiu o limite da GravaStar Venus já que o som fica com menos detalhe, às vezes conseguem-se ouvir até alguns artefactos começando a afetar a qualidade do som. Algo que me parece normal já que a pequena coluna tenta dar-nos muito mais do que o tamanho que têm.

Siga o Future Behind: Facebook | Twitter | Instagram

Mas não se preocupem, durante o período de testes foi raro o momento em que tive que levar a coluna ao máximo para conseguir ouvir a música ou podcast que queria. Mesmo em ambientes mais ruidosos a Venus faz bem o seu trabalho.

Uma das coisas que mais me chateia quando estou a usar uma coluna bluetooth é ter que sair de casa para ir abrir a porta, ou até ir ao jardim fazer alguma coisa, e perder a conexão. Com a Venus isso nunca me aconteceu, a conexão manteve-se sempre estável mesmo quando saí de casa e me mantive em redor da mesma.

Uma coisa que continua a faltar na oferta da marca é uma app que permita adicionar perfis de som às suas colunas. A qualidade de som e de construção desta coluna faz-me pensar que com a possibilidade de ajustar alguns níveis a experiência seria ainda melhor.

Gravastar Venus coluna

Feita para ser portátil, mas perfeita para setups pequenos

É este o ponto forte da GravaStar Venus, a sua portabilidade. O factor “portabilidade” aliado a uma bateria que apresentou níveis bastante interessantes (uma carga completa que demorou 1h45 deu para 9 horas de música com o volume a +\-85%) fazem com que a Venus seja o gadget ideal para quem quer música em qualquer lado sem ter que usar os speakers do telemóvel ou tablet.

Mas mais importante que a sua portabilidade é mesmo o facto de ser fácil de “arrumar” em qualquer setup. Mesmo com pouco espaço é fácil ter som de qualidade no topo da secretária ou na televisão que usam para jogar. Especialmente porque a Venus, tal como a Mars Pro, tem suporte para a tecnologia True Wireless Stereo que é conseguida através da conexão de duas colunas Venus para assim conseguir som stereo sem a necessidade de cabos.

Siga o Future Behind: Facebook | Twitter | Instagram

Ao mesmo tempo que uso a coluna na minha secretária para ouvir música enquanto estou a trabalhar, a GravaStar Venus passou a ser a minha coluna para o jardim: tem bateria suficiente para aguentar uma tarde de música e a sua construção inspira confiança para a levar para rua sem medo de que uma pequena queda a possa danificar.

patreon

Considerações Finais

A GravaStar Venus não tem a mesma qualidade de som da Mars Pro, mas para o tamanho que tem, para o peso que apresenta, e para o preço com que chegou ao mercado (geralmente pode ser encontrada em promoção no site da marca pelo preço de $59,95) a coluna é uma excelente opção para quem está a procurar uma coluna portátil, principalmente se quiserem algo que não se pareça com todas as outras centenas de colunas que existem nas lojas.

Siga o Future Behind: Facebook | Twitter | Instagram

Com cores que variam deste preto, verde, vermelho ou até uma edição especial em tons de vermelho e amarelo a Venus tem ainda um estojo de viagem e uma base de carregamento também ela equipada com LEDs coloridos. O design da coluna, que bebe de inspiração cyberpunk garante-vos uma coisa: mesmo sendo pequena nunca vai passar despercebida.

rating recomendado

+ Pequena, mas robusta
+ Qualidade do som quando não é puxado ao máximo
+ Bateria duradoura

– Falta uma app para conseguir criar perfis de som

N.R.: A análise à Gravastar Venus foi realizada com acesso a uma unidade do produto cedida pela Gravastar.

O Future Behind em "Dark Mode"