Philips 27B1U7903

O Philips 27B1U7903 é um monitor UHD Mini-LED 4K pensado para criativos

Artistas, criativos, ou qualquer pessoa que trabalhe com imagem. A Philips apresentou o novo Philips 27B1U7903, um monitor UHD Mini-LED 4K que, diz a marca, combina um excelente desempenho de imagem com características como conectividade Thunderbolt 4 ou DisplayHDR 1400 e ainda um design moderno.

Xeni Bairaktari, Global Marketing Lead and Senior Brand Manager EU na MMD Monitors & Display, explica que “repleto de características de última geração e que potenciam ao máximo o desempenho, o Philips 27B1U7903 é a escolha ideal para todas as profissões criativas. Não só proporciona visuais com extrema precisão de cor e atenção ao detalhe, como também inclui a velocidade, a potência e a simplicidade da tecnologia Thunderbolt™ 4“.

Segue o Future Behind: Facebook | Twitter | Instagram

Para além das principais características (mostradas no fim do artigo), este Philips 27B1U7903 apresenta ainda características como: Quantum Dot, uma tecnologia inovadora de nanocristal semicondutor, emite luz com precisão para produzir cores vibrantes; Zero Bright Dot elimina os defeitos de pontos brilhantes do LCD; SmartUniformity proporciona um brilho consistente em todo o ecrã, e um valor Delta E inferior a 1, garante a máxima precisão de cor.

O Philips 27B1U7903 é um monitor UHD com 27” e chegou ao mercado com o valor de €1299.

Principais Características do Philips 27B1U7903:

  • Thunderbolt 4 in/out para vídeo, áudio, transferência de dados, Ethernet, fornecimento de energia, daisy chaining, entre outros;
  • MiniLED display, o maior número de zonas de escurecimento local dentro de um monitor de 27 polegadas (2.304 zonas, em comparação com as 576 zonas normais);
  • VESA DisplayHDR 1400, para negros mais profundos e brancos mais brilhantes com efeitos ultrarrealistas em jogos e filmes;
  • Resolução UltraClear 4K UHD para detalhes e precisão extremos;
  • Design sem moldura em quatro lados e gestão integrada de cabos para um aspeto elegante e arrumado.
O Future Behind em "Dark Mode"