Rock in Rio 2022

Prontos para o segundo fim de semana de Rock in Rio 2022? O primeiro fim de semana teve muito mais que música

Depois de quatro anos desde a sua última edição, o Rock in Rio Lisboa regressou à capital portuguesa no passado fim-de-semana, dia 18 e 19 de junho, com um conceito renovado e novos palcos repletos de entretenimento para miúdos e graúdos. Com representação de música internacional e nacional, desde os grandes nomes da indústria atual a artistas mais nicho, o Rock in Rio apresenta um cardápio variado que promete agradar a todos os públicos.

Segue o Future Behind: Facebook | Twitter | Instagram

Entre as diferentes ativações musicais e digitais, é possível encontrar a Worten Game Square: um espaço dedicado ao mundo do gaming, contando com inúmeras personalidades dentro da esfera dos videojogos em palco, prémios para os mais aguerridos e até um espaço dedicado na sua totalidade ao shooter tático 5v5 da Riot Games, VALORANT.

https://twitter.com/rockinriolisboa/status/1529913558724710400

Com a intenção de se destacar como uma experiência divertida e diferenciadora, a Worten Game Square oferece às famílias portuguesas um espaço focado não só nas mais recentes novidades do mercado, como as novas plataformas da Sony e da Nintendo, como também títulos que marcaram gerações passadas, como Pinball ou Metal Slug, acompanhados, ao longo da tarde, de uma panóplia de convidados que vão fazendo as delícias de quem passa pelo espaço.

“Superou muito as minhas expetativas”, partilha Marta “PickyWiky” Casaca, host do Worten Game Stage ao lado de GarciaP, “as pessoas têm interesse e acho que tem muito a ver com o conteúdo que está a ser aqui programado”. Marta, que já marcou presença em outros eventos relacionados com League of Legends ou FIFA, e uma das hosts principais ao longo dos quatro dias do festival, afirma que a experiência está a ser bastante “desafiante”, pois está habituada a ambientes “mais sérios, de competição”.

Segue o Future Behind: Facebook | Twitter | Instagram

Admitindo que o desafio que a postura mais dinâmica e interativa, que caracteriza o palco, é algo ao qual não está habituada, PickyWiky sente que as diversas personalidades presentes em palco “completam” a sua, de forma a oferecer uma atuação mais coesa ao público, em tom de simbiose.

MrRemedy, um dos mais conhecidos criadores de conteúdo da esfera do YouTube português, voltou recentemente do seu hiatus da plataforma e marca agora presença como convidado no palco Worten Game Stage do Rock in Rio. “Estou a passar por uma fase que estou à procura de um objetivo maior”, partilha. “Estar a fazer isto há mais de uma década não é fácil”, admitindo que o apoio e reação do público “que continua lá depois de todos estes anos” é a motivação que precisa para continuar a criar conteúdo fresco e inovador. Apesar de sentir que estar em palco não é muito a sua praia, MrRemedy não deixa de achar que a experiência está a ser “interessante, sobretudo para reencontrar amigos que já não via há muitos anos”.

Segue o Future Behind: Facebook | Twitter | Instagram

A ideia de estar num palco versus criar conteúdo audiovisual cria um pouco de “ansiedade” a MrRemedy, ainda que esteja “habituado a fazer figuras tristes, seja onde for”, sendo que “fazer as coisas através de um computador e de forma digital” é bastante diferente. A experiência, no seu todo, é compensatória para MrRemedy, “não só na perspetiva de estar a fazer aquilo que eu gosto no palco do gaming, como também para ouvir estas músicas ao vivo e ouvir estas bandas que eu adoro e que há muito tempo que não via”.  

André Henriques, curador e produtor da Worten Game Square, considera a experiência “muito boa”, considerando que a “mensagem e o objetivo foi cumprido” e sublinhando a aderência do público ao espaço.

Segue o Future Behind: Facebook | Twitter | Instagram

André, que começou o seu percurso no gaming no vlog da N3, marcando presença na Inygon e na IGN antes de abraçar a iniciativa do Rock in Rio como produtor e curador, considera-se “bastante contente com tudo aquilo que está a acontecer”, bem como com a mensagem que o Rock in Rio tenta passar de “diversidade e inclusão”, afirmando que o festival é, acima de tudo, um festival de entretenimento. Quanto à possibilidade de atravessar o Atlântico para fazer parte da iniciativa homóloga no Rock in Rio Brasil, André afirma que “poderia ser interessante”.

O Rock in Rio Lisboa 2022 continua este fim-de-semana, dias 24 e 25 de junho, no Parque da Bela Vista, em Lisboa.

patreon
O Future Behind em "Dark Mode"